PREVENÇÃO DE QUEDAS

Dra Sandra Jabur Wegner

O envelhecimento populacional é um fenômeno mundial. O aumento da proporção da população idosa ocorre de forma rápida e abrupta principalmente nos países em desenvolvimento, como o Brasil.

As quedas entre idosos merecem destaque e configuram-se problema de saúde pública devido à alta frequência com que ocorrem, a morbidade e mortalidade advindas deste evento, ao elevado custo social e econômico decorrentes das lesões provocadas e por serem eventos passíveis de prevenção. Medidas de prevenção e promoção de saúde são importantes instrumentos para diminuir a ocorrência desses eventos e minimizar as complicações secundárias.

A idade avançada, devido à perda progressiva de equilíbrio, da força muscular, da mobilidade está relacionada à maior predisposição a quedas.

A fisioterapia aquática atua neste quadro baseada na excelente condição que a água desempenha no equilíbrio do idoso. Facilita a marcha pela anulação da força da gravidade, pelo empuxo e a instabilidade causada pelo meio liquido aumenta o equilíbrio. A resistência constante da água durante a realização dos exercícios, variando sua intensidade, dependendo dos deslocamentos, da velocidade do individuo aumentam a resistência muscular.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s